Apicultura. Você ama ou odeia!

apicultura

 O que você acha da Apicultura?

A apicultura é mais uma forma de investimento na qual eu faço parte. Trabalhar a apicultura tem se tornado cada vez mais um excelente negócio. Para quem faz o manejo de forma adequado, o retorno financeiro é garantido.

Quando se fala em apicultura a primeira reação da maioria das pessoas é o “medo” e a “aversão”. Algumas possuem apifobia, ou seja, um medo ou horror exagerado a abelhas. Tal fobia é muito comum entre as pessoas. Muitas já foram picadas ou tem amigos e conhecidos que sofreram uma dessas picadas. Mas um medo excessivo nos adultos pode estar associado a uma falta de conhecimento. As pessoas em geral não se dão conta de que as abelhas só atacam para defender sua colméia, ou para se defender do que representa uma ameaça.

Como todo investimento, há riscos nesse negócio. Estes riscos podem ser bastante minimizados com um bom manejo das colmeias e com o uso de material apropriado para o trabalho, porém não quero me limitar aqui a falar destes riscos, pois já fiz isto em outro artigo com o título “Como administrar os riscos na Apicultura”, mas quero mostrar como a apicultura pode ser um negócio realmente rentável.

Atualmente possuo um apiário em funcionamento com 37 colmeias e a média de produção por safra aqui na região, que se estende de maio até setembro, é de 50 kg por unidade de colmeia, ou seja, algo em torno de 1.850 kg. Traduzindo isso em ganhos, teremos uma rentabilidade líquida final de R$ 12.025,00 visto que o preço final de comercialização líquido do mel é de R$ 6,50 o kg. Dividindo esse valor por 12, que é a quantidade de meses do ano, teremos um ganho de R$ 1.002,00 por mês.

Para mim ainda não é um ganho satisfatório. Eu explico! Classifico meus investimentos em duas classes de ganhos. Os que me geram renda que apenas pagam minhas despesas pessoais no mês, como casa, alimentação, transporte, saúde, educação, etc. E os que geram renda com acumulo de riqueza, ou seja, ganhos elevados acimas das minhas necessidades básicas, que formarão um patrimônio real. Então considero este investimento para mim hoje ainda como básico e não como gerador de riqueza. Não é que ele seja minha fonte de renda principal para meu sustento, mas é porque considero investimentos com esse valor de ganho mensal como básico. Falo melhor sobre isso na seção de INVESTIMENTOS aqui no menu do blog. Sendo assim, penso que a meta correta para se transformar este investimento que para mim hoje é básico, seria ampliar o numero de colmeias para 200 unidades. Fazendo os cálculos, teríamos: 200 colmeias com produção média de 50 kg à R$ 6,50 – lucro final por kg –  chegaremos a uma expressiva quantia líquida, já descontada os custos operacionais com o negócio, de R$ 65.000,00. Dividindo por 12 meses no ano, daria um ganho mensal de R$ 5.416,00. Assim, este investimento entraria para a classe dos geradores de riqueza.

Se você pretende entrar no ramo da apicultura e tem em mente a ideia de comercializar o seu produto de forma artesanal ou arcaica, sugiro que este não será um bom negócio para você, talvez sim somente para seu consumo particular. O que eu descrevo como comercialização artesanal e a venda de mel de porta a porta, ou por litros em garrafas.

Uma comercialização empreendedora seria o abastecimento de supermercados, farmácias, casas de produtos naturais e outros, mas para isso é necessário que você possua um CNPJ do seu apiário e tenha liberação do ministério da agricultura.

Outra forma de comercialização empreendedora, e é a que eu uso atualmente, é associar-se a uma associação ou cooperativa de apicultores onde seria entregue a sua produção de mel. Daí a associação ou cooperativa se encarrega de entrar na licitação do seu município para abastecer a merenda escolar das escolas municipais, visto que o mel faz parte da lista de itens de produtos recomendados para a merenda escolar. A própria associação se encarrega da embalagem do mel em sachês, da distribuição nas escolas e do recebimento do pagamento da prefeitura, repassando posteriormente este pagamento para os produtores proporcionalmente a quantia entregue de mel por eles a associação.

É claro que é necessário o produtor pagar uma taxa a associação pelos custos operacionais envolvidos no processo, por isso eu disse acima que o lucro final fica atualmente em R$ 6,50 por kg de mel.

Lei nº 11.947/2009 determina a utilização de, no mínimo, 30% dos recursos repassados pelo FNDE para alimentação escolar, na compra de produtos da agricultura familiar e do empreendedor familiar rural”. Fonte da citação da lei:

É um excelente negócio desde que você quebre tabus e medos de trabalhar na área.

Hoje, algumas pessoas que preferem não trabalhar diretamente com as abelhas, mas que veem neste tipo de investimento uma grande oportunidade de ganhos, entram em contato comigo e fechamos parcerias. O investidor compra quantas colmeias desejar e eu as instalo no meu apiário. Toda a mão de obra do manejo e também a comercialização do produto fica por minha conta. O investidor entra apenas com a compra das suas colmeias e material necessário para instalação como cera, cavaletes de suporte e ligas de amarração. Depois de comercializado o produto, eu reparto os ganhos em 60% e 40%, onde o investidor fica com 60% dos lucros e eu com 40%.

É um grande negócio para quem quer ter uma renda extra com nenhum trabalho. Apenas investimento!

Se deseja conhecer mais a fundo sobre o assunto, leia os outros artigos aqui no blog

Artigos no blog sobre Apicultura:

Veja outros artigos sobre Apicultura:
Regras para ser um bom Apicultor

                                                                                                     
Como-importar-da-china

Author: Marcelo Pessôa

Empreendedor, empresário e investidor atuante no mercado imobiliário. Escritor do Ebook "Como Montar sua Fábrica de Chinelos". Webmarketer, desenvolve a criação de sites e lojas virtuais, entre eles, destaca o "ideiasfinanceiras.com". Uma frase: "Meu negócio é fazer negócios" - Marcelo Pessôa

Share This Post On

7 Comments

  1. Muito bom seu blog marcelo! Sou apicultor iniciante e tenho so 7 colmeias em um sitio q é de meu cunhado no interior de sp na cidade de matão sp, amo demais as abelhas e tenho vontade de estar aumentando cada vez mais, tenho um prazer inesplicavel cada vez q vou visitar minhas colmeias. Bom ter pessoas como vc q divide e contribuem p o aprendizado de outras pessoas! Abraços.

    Post a Reply
    • Excelente Flávio,

      Que seu negócio posso sempre crescer. As abelhas são realmente incríveis.

      Obrigado pela sua visita ao site!

      Post a Reply
  2. OLÁ MARCELO, DESDE MUITO JOVEM TENHO VONTADE DE CULTIVAR ABELHAS, CHEGUEI A FAZER UM CURSO AOS 22 ANOS EM 1984, MAS ´SO AGORA QUE ME APOSENTEI PENSO EM POR EM PRÁTICA MEU SONHO, VOCE PODE ME RECOMENDAR UM CURSO, LIVRO OU SITE? OUTR ´DUVIDA É QUE ACHEI R$6,50 MUITO POUCO POR 1 Kg DE MEL DE QUALIDADE, NÃO ACHA?

    AGUARDO

    Post a Reply
  3. Excelente matéria Marcelo! Gostaria do seu contato de email para trocar algumas idéias! Abraço!

    Post a Reply
  4. muito obrigado, marcelo, sou iniciante fiquei muito grato pela sua ajuda

    Post a Reply
  5. Oi caro Marcelo gostaria de saber como montar um pequeno apiário

    Post a Reply
  6. Oi Marcelo de que parte do Brasil você é?

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Investimentos Diversos
Como administrar os riscos na Apicultura
Fechar